Vizinhos se unem para salvar cachorro paraplégico que foi jogado em um rio

Vizinhos se unem para salvar cachorro paraplégico que foi jogado em um rio

Os animais são tão dóceis e amorosos que é incrível acreditar que existam pessoas com o coração tão podre. Estas capazes de cometer os piores atos contra eles. Como um grupo de vizinhos testemunhou quando encontraram Dug, um cão paraplégico com o pior dos passados.

Esta triste história aconteceu em um rio no interior de São Paulo, Brasil. Durante uma manhã,  um vizinho da região percebeu que um cachorrinho estava boiando na água , sua vida estava em risco e ele sabia que deveria ajudá-lo.

Imediatamente, o bom homem emprestou um barco de outro vizinho para que ele pudesse chegar onde o cachorrinho estava, pegou com firmeza e puxou-o para fora da água. Ficou sem fôlego ao ver seu terrível estado. Estava exausto, não conseguia andar e também sofria de desnutrição.

Ele tinha marcas de seu passado triste

Os veterinários receberam o animalzinho com algumas lesões corporais superficiais e dolorosas, mas ele permaneceu consciente.

Devastado, o cachorrinho ficou ali deitado, com força apenas para levantar a cabeça. O animal bebeu água com uma seringa e comeu. 

O cão foi internado na clínica e, na avaliação veterinária, constatou-se que ele estava com muitas dores, mas não apresentava sinais de asfixia ou fluido nos pulmões. Foram encontrados ferimentos antigos. E há indícios de que ele é paraplégico há algum tempo .

Gisele Carvalho, diretora da ONG Grupo de Proteção Animal de Registro, considera que Dug foi jogado no rio intencionalmente, para se livrar dele

Eles temem que o tenham jogado no rio para acabar com sua vida.

“Na região do rio onde estava, não tinha como ele entrar ou cair, porque existem muros e barreiras. O cachorro está paraplégico há algum tempo ”. Diz a mulher.

As velhas cicatrizes em seu corpo são a prova de que ele foi abusado fisicamente por um longo tempo . No entanto, o comportamento amoroso de Dug não mudou, apesar da maldade humana a que foi submetido.

Dug ainda tem fé na humanidade.

Gisele quer encontrar o humano que causou tantos danos a este cachorrinho, para que ele possa pagar por suas ações. 

A ativista sabe bem que não será fácil encontrar um lar para Dug, dada a sua condição. Mas isso não a impede de enchê-lo de amor e esperar que um milagre aconteça.

Dug sofreu muito injustamente e merece um lar que o ame de verdade. 

Fonte: Zoorprendente

Facebook