Um pai dá 22 socos em 15 segundos ao professor que estuprou sua filha.

O portal de notícias britânico Daily Mail nos traz uma notícia fora do comum. Um pai na Argentina atacou um professor de escola acusado de abusar sexualmente de sua filha de 15 anos de idade. O professor, nomeado na mídia local como Jorge Cruceno, 30 anos, é empregado pela Escola Comercial Feminina de Santa Marta, na região central da Argentina.

A família da adolescente supostamente encontrou mensagens inapropriadas no celular. O pai visitou a escola para uma reunião com as autoridades da escola depois de denunciar a suspeita de abuso à polícia.

O pai fica furioso, dando socos no professor que cobre a cabeça em busca de proteção contra os golpes.

O pai enfurecido dá 22 socos no professor em apenas 15 segundos antes de ir embora com a filha.

Cruceno sofreu cortes no rosto e antebraço no incidente. Ele foi tratado por paramédicos antes de ir à delegacia de polícia para registrar uma queixa contra o pai.

As investigações em ambos os casos estão em andamento.

Nas filmagens de CCTV, o pai pode ser visto andando com sua filha na escola antes de cruzar caminhos com o professor.

Fonte: Daily Mail

Facebook

Quer mais histórias? Click »