Professor manda deveres de casa e uma mãe fica simplesmente horrorizada. Saiba o motivo!

Recentemente, uma mãe provocou um enorme debate depois de postar uma história no Facebook. A mulher da Califórnia ficou chocada quando descobriu o trabalho que professor da sétima série tinha dado a seu filho… saiba o motivo.

Quando Tara Cali de Bakersfield abriu livro de história de seu garoto, ela ficou horrorizada ao descobrir que toda a lição tinha sido sobre crenças islâmicas. Os deveres de casa tinham ainda um código, que os alunos poderiam escanear com o seu telefone para ouvir uma oração muçulmana.

A mulher estava tão chateada com o docente, que resolveu enviar algo de volta para ele.

FOX 5
FOX 5

A mãe escreveu, no caderno, que não permitiria que seu filho estivesse envolvido naquele tipo de trabalhos. “Meu filho não vai fazer parte disto de forma alguma. Isso é material de ensino ruim. Ele não vai participar. Se você tem um problema com ele, ligue para o nosso advogado”.

De acordo com a American Civil Liberties Union – ACLU, é permitido ensinar os alunos de escolas públicas sobre religião. Mas não é constitucional falar de crenças religiosas específicas.

Segundo a ACLU, “A abordagem da escola para a religião é académica, não devocional”. “A escola pode esforçar-se para consciencializar os estudantes acerca das religiões, mas não deve pressionar para a aceitação do estudante de qualquer religião”.

Acrescentam ainda: “A escola pode patrocinar estudos sobre religião, mas não pode patrocinar a prática da religião… pode educar sobre todas as religiões, mas não pode promover ou denegrir qualquer religião”.

Agora as pessoas estão discutindo sobre quem estava errado nesta situação, a mãe ou o professor.

E você, qual a sua opinião sobre esse assunto? Compartilhe com seus amigos!

Facebook

Quer mais histórias? Click »