Pit Bull é encontrado acorrentado a uma árvore tão firmemente que ele mal podia se mover

Kerry Haney estava relaxando em sua casa, em Nova Jersey, quando ela começou a receber dezenas de chamadas, mensagens e notificações do Facebook. A comunidade conhece Haney como uma voluntária do Don’t Bully Us Rescue e uma amante de animais. Então, todo mundo estava alertando a mulher sobre um cachorro que precisava de ajuda.

“Recebi seis telefonemas e uma dúzia de mensagens de texto sobre um cachorro, amarrado a uma árvore e morrendo de fome”, disse Haney. “Não havia comida, nem água e ele estava sentado em suas próprias fezes e urina. De pijama, saí para o endereço que me foi enviado (…) para ver se eu poderia ajudar.”

The Dodo

Quando a mulher chegou ao local, não encontrou o patudo. Então, Haney entrou em contato com o Departamento de Polícia de Woolwich Township e descobriu que eles já sabiam da situação. Os oficiais estavam fazendo tudo o que podiam para garantir que o cão estivesse seguro.

“Foi um pouco doloroso porque tivemos que ficar no escuro por alguns dias”, disse Haney. Felizmente, mais tarde naquela semana, o Pit Bull chamado Max, foi finalmente removido de sua casa e levado para o Gloucester County Animal Shelter. Seu dono foi multado e Max foi entregue ao abrigo.

The Dodo

O Don’t Bully Us Rescue pretendia levar Max sob seus cuidados e, depois de algumas negociações com o Gloucester County Animal Shelter, conseguiu manter o patudo.

The Dodo

Haney estava animada por ajudar Max e preparou sua casa, para que ele fosse recebido da melhor maneira. Enquanto o abrigo pensava que Max poderia ser agressivo, Haney percebeu que o Pit Bull é realmente um menino muito doce.

“Max é um cachorrinho no corpo de um menino grande”, disse Haney. “Ele ainda não tem boas maneiras, mas estamos trabalhando nisso.”

The Dodo
O Pit Bull está aprendendo a viver

Max passou muito tempo acorrentado e incapaz de se mover. Então, ele nunca conseguiu aproveitar plenamente a vida ou aprender habilidades básicas. Agora, Haney e sua família estão fazendo tudo o que podem para mostrar a Max o quão maravilhosa a vida pode ser.

Até agora, Max tem se dado bem com os outros dois cachorros de Haney e adora todas as pessoas que conhece. Ele ama especialmente as crianças!

The Dodo

“Ele é um grande filhote pateta”, disse Haney. “Ele adora brincar, mais do que qualquer cachorro que eu já vi. Se você está sentado no chão ou no sofá, não pense que terá espaço pessoal. Ele é um prazer absoluto de ter!”

The Dodo

No futuro, Max amaria uma família ativa que esteja disposta a levá-lo em muitos passeios e a brincar com ele por horas. Depois de ter sido negligenciado por tanto tempo, tudo o que Max quer é uma família que o ame incondicionalmente.

“Ele realmente adora estar com as pessoas”, disse Haney. “É triste pensar que ele foi amarrado a uma árvore sem ninguém, o dia todo, todos os dias. Esse foi o seu passado… mas o seu futuro está cheio de pessoas e amor. Isso é uma promessa!”

Compartilhe essa história emocional com seus amigos e familiares!

Fonte: The Dodo

Facebook

Quer mais histórias? Click »