Padre sai de férias e abandona cães nas ruas

Pub

Os paroquianos do Monte, Funchal (Portugal), manifestam indignação perante atitude do padre da Igreja.

A situação, e sobretudo na altura em que decidiu sair de férias, está deixando os paroquianos contra o pároco e a sua comunidade até questiona qual a humanidade de tal ato.

Segundo relatos chegados ao JM (Jornal local) e outros que estão a circular na Internet, o pároco da igreja, Vítor de Sousa, saiu de férias e deixou os cães na rua. Para que não fosse possível voltar a colocar os bichos no lugar onde estavam há já cinco anos, o responsável pelo imóvel da paróquia mudou todas as fechaduras das portas.

A atitude do padre está criando uma onda de revolta entre os locais. Segundo um residente, que fez chegar ao JM esse relato, os animais estão sendo alimentados por alguns populares mesmo em frente à porta da Igreja do Monte.

Outros estão na disposição de fazer uma queixa na Polícia de Segurança Pública (PSP), porque dizem que os animais pertencem à paróquia há cinco anos e não podiam ter sido alvo deste tratamento.

Pub
Pub

Fonte: JM Madeira

Facebook

PODE GOSTAR TAMBÉM