Governo retira subsídios de uma mulher tetraplégica e diz para ela procurar trabalho

Por vezes, existem pessoas recebendo subsídios sem precisarem realmente desse apoio. Isso faz com que esse caso do qual vamos falar hoje se torne ainda mais revoltante. O governo resolveu deixar de apoiar financeiramente uma mulher tetraplégica e disse para ela ir procurar um trabalho… simplesmente revoltante.

Essa situação aconteceu no Reino Unido, e tem indignado milhares de pessoas por toda a internet. A mulher tetraplégica perdeu toda a ajuda financeira porque seu esposo se esqueceu de comparecer a uma das reuniões. Por causa disso, o governo exigiu que a mulher encontrasse trabalho, apesar de ter graves danos cerebrais e estar completamente paralisada.

Julie Rodger, a mulher em questão, depende inteiramente de ajuda e não consegue fazer nada sozinha. Apesar do marido se ter esquecido de ir à reunião, ele apresentou várias explicações e tentou de tudo para que o subsídio não fosse retirado. Mas o governo não se interessou, e enviou um aviso oficial à esposa exigindo que ela encontrasse um emprego.

Metro

“Para aqueles que conhecem minha esposa Julie, o governo decidiu, em sua grande sabedoria, retirar toda a ajuda financeira e agora pede à minha esposa para encontrar um emprego. Julie é tetraplégica e sofre de graves problemas cerebrais por hipoxia. Ela não pode fazer nada sozinha.

Julie vai ao centro de emprego na segunda-feira, depois que o “milagre dos trabalhadores” a curou de seus problemas“, diz o marido revoltado.

Após toda a polémica, o governo diz que o caso de Julie deve ser revisado nas próximas semanas. O que achou dessa situação revoltante?

Fonte: Ayoye

Facebook

Quer mais histórias? Click »