Médico devolve a visão a 130 mil pessoas carentes de graça

Um médico – que perdeu o irmão e as irmãs para doenças que poderiam ser tratadas pela medicina moderna – decidiu se tornar oftalmologista para ajudar então pessoas necessitadas, como a família dele no passado. E com amor e determinação ele está conseguindo cumprir a missão.

O Dr. Sanduk Ruit já restaurou a visão de mais de 130 mil pessoas carentes. Ele percorre portanto o Nepal, sua terra natal, para operar de graça pessoas com catarata, a forma mais comum e tratável de cegueira.

Mais que isso: ele conseguiu baixar de 300 para 3 dólares – menos de 12 reais – o preço das lentes importadas para a cirurgia. Como? Levando a fabricação para o Nepal.

Diretor executivo do Instituto Tilganga de Oftalmologia, uma organização sem fins lucrativos com sede em Katmandu, ele e sua equipe atendem a um milhão de pacientes.

“Nos últimos 10 anos nós treinamos quase 650 médicos e acredito que a gente possa fazer isso no mundo inteiro. Eu quero passar o resto da minha vida arrecadando dinheiro para muitos desses hospitais”, diz.

Viagens

De acordo com o oftalmologista, cerca de 90% da população cega do mundo está localizada no Nepal porque há menos oftalmologistas em países menos desenvolvidos.

Por isso ele também viaja por todo o país para fazer cirurgias de catarata em pessoas cegas que vivem em áreas remotas.

Em uma das investidas para ajudar pessoas necessitadas, Sanduk Ruit levou então seu equipamento cirúrgico de carro e viajou durante 7 dias para tratar a cegueira da população.

“Cheguei a trabalhar 13 horas por dia. Pessoas diziam que eu era maluco”, contou.

E o que ele presencia quando as pessoas tiram o curativo dos olhos não tem preço.

“A expressão desses pacientes que ontem estavam cegos e de repente voltaram a enxergar tudo à sua volta, ver as pessoas que amam… eles mudaram a perspectiva de vida numa fração de segundos”, conta.

“É por isso que essa intervenção cirúrgica é tão bonita e poderosa. Meus pacientes são minha vida e minha alma”, concluiu.

Dr. Sanduk Ruit – Foto: reprodução / Great Big Story
Assista ao documentário:

Fonte: So Noticia Boa

Facebook

Quer mais histórias? Click »