Mãe que narra jogos do Palmeiras para o filho deficiente visual leva prêmio da Fifa

A emocionante história de Silvia Grecco, a mãe que narra os jogos do Palmeiras para o filho Nickollas, de 11 anos, que é deficiente visual, foi premiada pela Fifa na cerimônia The Best. Silvia recebeu o prêmio Fifa Fan Award nesta segunda-feira (23), em Milão, na Itália.

Em seu agradecimento, Silvia Grecco tratou de dividir portanto a homenagem com Justo Sánchez. O uruguaio torcedor do Cerro-URU que passou a torcer para o rival Rampla Juniors em homenagem ao filho falecido.  

”Eu gostaria de compartilhar este prêmio com o senhor Justo Sánchez, que também tem uma linda história de amor com o filho dele. Nickollas, aqui na frente estão muitas pessoas, muitos jogadores, muitos ídolos. Estamos aqui representando nosso time, Palmeiras, e todos os torcedores do Brasil e do mundo” . Disse Silvia, se dirigindo ao filho.

A história de Silvia chamou então a atenção após ela ser flagrada por câmeras de TV contando os detalhes do clássico entre Palmeiras e Corinthians, no dia 9 de agosto, pelo Brasileirão. Em entrevista à GaúchaZH no mês passado, Silvia contou que não se inspirou em nenhuma outra história para decidir levar o filho ao estádio. Segundo ela, foi a vontade de ter a parceria de Nickollas nos jogos do Palmeiras o mote para a narração em meio aos jogos.

— Instinto de mãe. Não tenho experiência com pessoas com deficiência. Então, aos poucos, eu vou criando situações para poder fazer com que ele sinta como real. Não é uma narração técnica, do jogo, falo para que lado os jogadores estão, onde que tem bigode, manga comprida. Descrevo o ambiente também — explicou ela.

Fonte: Gauchazh

Facebook

Quer mais histórias? Click »