Homem cria sozinho mais de 100 gatos e cachorros resgatados das ruas de Salvador e depende de doações

Um vendedor ambulante da localidade de Saramandaia, em Salvador, cria sozinho mais de 100 gatos e cachorros encontrados nas ruas da cidade. Trabalhando como vendedor de água e com uma renda mensal de R$ 400, ele enfrenta dificuldade para cuidar dos animais e depende de doações.

“[Animais] tudo abandonado da rua que eu peguei pra cuidar. Eu trago e o pessoal vai jogando aqui também e eu vou pegando para cuidar. Quero cuidar mais e mais desses animais”, disse o ambulante Eduardo Souza Santos.

Eduardo saiu de Sergipe para morar na capital baiana. Ele começou a fazer o trabalho de retirar os animais abandonados da rua há cerca de 15 anos. Ele explicou que, por causa do tempo dedicado aos animais, não consegue trabalhar todos os dias para ter uma renda maior.

O ambulante disse que a casa onde ele cria os animais era onde ele morava antigamente.

Hoje ele mora em outro imóvel, que também fica em Saramandaia. São cerca de 70 gatos e 30 cachorros dentro da residência e mais 25 gatos e dois cachorros, em outro terreno cedido por uma vizinha. Ele conta com a ajuda de uma veterinária voluntária para cuidar da saúde dos animais.

“Tem gente que fala assim: ‘você já foi no psiquiatra?’ Eu não sou maluco. Essa casa eu fiz vendendo suco e pastel na rua. Ao invés de morar, dei para os animais. Eu queria vender aqui, comprar um terreno em um lugar e construir um espaço maior. Para eu cuidar de 100, não, de 200 ou 300. Só quero parar de fazer esse trabalho quando eu morrer. Eu não quero ganhar nada, quero que as pessoas me ajudem, quero cuidar desses animais que tem abandonado na rua”, disse o ambulante.

Quem quiser ajudar Eduardo, pode entrar em contato através do telefone (71) 9 8885-9318.

Para ver a matéria completa, você pode assistir no vídeo clicando AQUI.

Fonte: G1 Globo

Facebook

Você vai adorar estas!