Homem constrói quarto ao estilo francês com direito a TV para seu cão

Sean Farrell, o dono do cachorro ama tanto o seu amigo, que acha que ele deveria ter o seu próprio espaço. Depois de navegar na internet procurando por alguma inspiração, ele decidiu abrir mão de um canto em sua casa e construir um “boudoir” (uma casa ao estilo francês) para Buster. Apesar de não ter “absolutamente nenhuma experiência em carpintaria”, acabou sendo absolutamente gratificante.

“Buster é o meu Staffordshire Bull Terrier de 12 anos ”, disse Sean, de 47 anos, ao Bored Panda . “Eu o adotei há pouco mais de dois anos. Ele não teve a melhor vida e isso mudou no dia em que o conheci. Inicialmente, eu o deveria apenas apadrinhar, mas me apaixonei e nós dois sabíamos que estávamos destinados a ficar juntos.”

“Devido a más experiências em sua vida, ele não gosta de estar perto de homens. E quando estamos sozinhos em casa, ele fica sozinho no quarto. Ele só descerá quando chegarem mais pessoas aqui. Ou desce para passear e comer – disse Sean. “Temos trabalhado muito, muito duro em seus problemas de confiança. E como seu comportamento melhorou muito, ele agora é um cão de terapia e visitamos hospitais e uma clínica de reabilitação de lesões cerebrais. Ele também acompanha pessoas com baixas habilidades sociais, autismo, agorafobia, etc. fazendo compras.”

Sean gastou entre R$400 e R$500

“O boudoir foi uma ideia para dar a Buster um espaço aconchegante no mesmo quarto que eu. Para realmente fazer ele saber que pode estar a salvo ao meu redor e se sentir seguro em seu pequeno covil ao mesmo tempo. [Depois de o terminar], ele foi pra lá quase que instantaneamente. Já faz algumas semanas e ele está feliz em dormir e curtir sua nova casinha. ”

No total, Sean gastou entre R$400 e R$500 no novo espaço de seu amigo. O homem vem atualizando a página do Buster no Facebook com fotos do projeto e seus fãs estão adorando.

“Como era na minha sala de estar, eu queria que ele se misturasse e parecesse parte da sala”, explicou Sean. “Eu não tinha um plano real, acabei de comprar madeira e plumas. E fui fazendo devido ao seu enorme sucesso com mais de 20 milhões de visualizações no Facebook .”

“’Imagine ser um macaco’ é a frase que está escrita sobre a porta de entrada. E é a primeira linha de uma canção de ninar que eu canto para ele quando ele está tendo pesadelos.”

“Muitos dos acabamentos ‘cosméticos’, como a TV, a prateleira e a iluminação ambiente, foram o resultado de experimentos e de muita diversão, mas o ventilador funciona muito bem”, disse o dono do Buster. “É tudo a bateria, então não há eletricidade. Foi tudo feito com coisas que estavam simplesmente espalhadas pela casa.

“Também há fotos do meu cachorro Zook na parede. Zook era meio que uma celebridade. Ele tinha uma deficiência e um grande número de seguidores na Internet espalhados por todo o mundo.”  Zook faleceu aos 17 anos, mas se não fosse por ele, Sean nunca teria encontrado Buster.

4 dias para fazer

“Do começo ao fim, o boudoir levou cerca de quatro dias para fazer. Depois que eu o pintei e usei adesivo na carpete, o Buster não pôde entrar por mais duas semanas. ”

“Eu nunca vou mexer ou brincar com ele quando ele estiver lá, porque realmente quero que ele sinta que é o seu próprio cantinho. Mas se ele vagar pelo meu território, aí ele estará no inferno de guerra”, brinca Sean.

“Estou absolutamente impressionado com a resposta à minha ideia por parte de centenas de milhares de pessoas de todo o mundo. Os Staffordshire Bull Terriers estão tendo muito má reputação e é muito bom poder mostrar a todos que eles são lindos cães que merecem uma vida maravilhosa.”

Fonte: Portal Do Animal

Facebook

Quer mais histórias? Click »