Família adota cachorro que tinha pouco tempo para viver e ele conhece o que é ser amado

Nem todos os cachorros têm a sorte de encontrar uma família dedicada e responsável. Infelizmente, existem muitos casos de abandono de animais, em todo o mundo. Foi exatamente isso que aconteceu com Asher, um cão de 14 anos. O cachorro foi encontrado em Orange County, na Califórnia.

Asher tinha uma doença que não permitia que ele se movesse sem sentir dor. Então, quando ele foi encontrado, todo o seu pelo estava coberto de urina e sujeira. Os socorristas levaram o cão idoso para o abrigo local, onde decidiram esperar que sua família aparecesse para o pegar. No entanto, isso nunca aconteceu.

A equipe decidiu colocar o cão para adoção, embora isso não parecesse ser uma boa ideia. Além de ser bastante velho, o cachorrinho mal podia se mover. As opções de Asher estavam se esgotando e a única coisa que parecia justa, era acabar com sua dor, recorrendo à eutanásia.

Então, um milagre aconteceu!

Kelly Smíšek, diretora executiva da Frosted Faces Foundation, decidiu intervir. Kelly levou Asher para casa, disposta a salvar sua vida. O cachorrinho tomou um bom banho, para que se sentisse mais confortável e confiante em seu ambiente.

Assim que Asher estava mais forte e animado, Kelly levou-o até ao veterinário. Lá, fizeram os exames necessários para descobrir qual era a sua condição. O cão foi diagnosticado com paralisia laríngea, uma doença que fez com que suas vértebras se fundissem completamente com o pescoço, causando artrite severa.

Asher recebeu alguns medicamentos e suplementos para que ele se movesse e respirasse mais facilmente.

O cão idoso mudou completamente sua atitude reservada, por se sentir seguro e amado.

Depois de alguns dias, Asher começou a comer e andar mais facilmente, aproveitando o espaço fornecido por sua nova casa. Claro, sempre na companhia de seus donos e animais.

Confira o animal amoroso em ação no vídeo abaixo:

https://www.facebook.com/frostedfacesfoundation/videos/1585480584847819/?v=1585480584847819

Asher acabou por morrer quatro meses após ser resgatado do abrigo. Apesar de tudo, o patudo fez sua família feliz e recebeu todo o amor do mundo.

Fonte: Zoorprendente

Facebook

Quer mais histórias? Click »