Esquelético e tremendo de frio, cão é encontrado amarrado em uma árvore

No mundo existem muitas pessoas sem coração. Estas que parecem não medir o dano que podem causar a uma criatura quando decidem deixá-la de lado. Mais e mais notícias de abandono de animais estão chegando e o nível de crueldade parece se intensificar. Mas onde existe o mal, há justiça e amor para neutralizá-lo.

Foi exatamente isso que aconteceu com um cachorrinho resgatado nas margens do rio Marne, na França.

Esquelético, com os olhos implorando por socorro e o corpinho tremendo de frio, um pequeno animal foi encontrado no início de fevereiro. O casal que o descobriu ficou arrasado só de vê-lo. Alguém não apenas o deixou ali sozinho. Mas com uma corrente pendurada em seu pescoço o prendia a uma árvore na margem do rio. 

O pobre animal não tinha como buscar ajuda para escapar do perigo.

O cachorro foi encontrado por volta das 17h por um casal de amigos que se exercitava.

O cachorro era um pouco agressivo.

O casal alertou a prefeitura sobre o caso para que o filhote fosse resgatado. Por isso mesmo era o próprio prefeito o encarregado de dar a ordem de socorrer o indefeso.

“De minha parte, liguei para os serviços municipais, com quem temos um acordo que os autoriza a recuperar cães abandonados ou perigosos”. Especifica Pierre Charlet.

O caso ficou muito indignado na comunidade, depois que as mesmas pessoas que o encontraram se encarregaram de compartilhar a notícia e fotografia com alguns amigos. O cachorro estava sem chip. Mas presume-se que pertencia a uma família que o tinha abandonado.

“Ele era manso, mas em péssimo estado, muito magro. Fazia algum tempo que não era alimentado ”. Disse Pierre Charlet.

O cão foi então levado para o abrigo e entrou em dieta especial devido à evidente desnutrição que apresentava.

A polícia municipal abriu inquérito para localizar o ex-dono do animal. E saber se esse mesmo é o responsável pelo abandono, o que representa um crime.

Esperemos que as autoridades encontrem o homem sem coração que fez o peludo sofrer até aquele estado e o deixou sozinho e a céu aberto. Pois agora o abrigo está encarregado de apagar seus ferimentos físicos e emocionais.

Existem muitos casos de abusos. Mas não é por isso que devemos parar de denunciá-los.

Esperamos que algum dia não precisemos mais contar essas historias de abandono e maus tratos.

Fonte: Zoorprendente

Veja também:

Facebook

Quer mais histórias? Click »