Casal vai para o céu abraçado após 75 anos de casamento

Casal vai para o céu abraçado após 75 anos de casamento. Uma história de amor que nos ensina uma lição muito valiosa.

Eles foram para o céu quase ao mesmo tempo para se reencontrarem e permanecerem unidos até a eternidade.

Jeanette e Alexander Toczko estavam destinados a ficar juntos por toda a vida, mesmo depois dela.

Eles são uma demonstração de que o amor eterno e incondicional existe. Eles tinham apenas 8 anos quando se conheceram e, desde então, tiveram um vínculo de afeto muito especial que se fortaleceu com o tempo.

Foram casados ​​e felizes por 75 anos e apesar das adversidades que vivenciaram, sempre prevaleceu o sentimento que os unia, o respeito e o desejo de superar os desafios juntos.

Jeanette e Alexander morreram juntos e nos braços um do outro com poucas horas de diferença um do outro. Um fato que comove o mundo inteiro porque raramente é conhecida uma história de amor com um final tão emocionante.

Casal vai para o céu abraçado após 75 anos de casamento.

No ano de 1940 eles se casaram e desde então não se separaram nem por um momento.

Alexander teve problemas de saúde associados a uma fratura de quadril que sofreu semanas antes.

Sua esposa Jeanette estava encarregada de estar sempre ao lado dele na cama. Ela também adoeceu. Eles foram atendidos em um local de apoio e cuidado aos idosos.

Eles tinham um desejo especial para, quando chegasse o dia de sua morte, partir abraçados para o céu..

Em San Diego, Califórnia, Estados Unidos, poucos dias depois de comemorarem seus 75 anos de casamento, ambos morreram quase ao mesmo tempo, com poucas horas de diferença.

Casal vai para o céu abraçado. Eles partiram para o céu quase ao mesmo tempo que haviam prometido.

Sua filha queria documentar aquele último abraço em uma fotografia. Em meio à tristeza e dor de sua perda, você deve se sentir orgulhoso de que eles sejam um exemplo de amor verdadeiro.

O que a filha do casal nunca imaginou é que a cena acabaria emocionando milhões de pessoas ao redor do mundo e que o rosto de seus pais se tornaria um símbolo de amor verdadeiro.

De acordo com depoimentos da enfermeira que os atendeu, ela disse que era incrível como eles estavam conectados.

No momento de perceber que Alexander havia falecido, ela sussurrou: “Eu te amo. Espere por mim, estarei aí em breve.” E assim foi, em poucas horas ela suspirou pela última vez e partiu com seu amado marido.

Apesar da dor, a filha do casal se orgulha do extraordinário legado que seus pais lhe deixaram e que se espalhou para milhões de pessoas que se emocionaram com sua história. O amor transforma, nunca morre assim como nossos entes queridos que partiram e permanecem em nossos corações.

Vimos essa história no Viralistas e trouxemos especialmente para você, porque sabíamos que você iria gostar.

Você também vai gostar de ler: Lojista abre sua porta para gato de rua que estava pedindo ajuda.

Compartilhe com seus amigos, pois isso nos ajuda a espalhar bons conteúdos e manter o projeto. Obrigado.

Facebook

Você vai adorar estas!