Cão se recusa a separar de seu amigo elefante em suas últimas horas de vida

No reino animal, amizades podem surgir de qualquer espécie e não diferenciam tamanhos ou cores. Embora  existam espécies que devido à ordem da cadeia alimentar não se dão bem. As restantes não têm motivos para não se relacionarem, principalmente se vierem de situações difíceis. Eles parecem perceber que sofreram de alguma forma e rapidamente criam conexões.

Pancake é um cão muito amoroso. Ele que foi resgatado das ruas há três anos e levado para um santuário de elefantes.

Quando Katherine Connor, fundadora e CEO do BLES descobriu sobre a Pancake, ela a adotou e a levou para o abrigo. Onde ela se adaptou muito bem, apesar de não ser nem remotamente parecida com um elefante e, claro, ela está ciente de tudo.

Na verdade, não é incomum que outros animais do BLES se envolvam nas coisas importantes que acontecem ou estão para acontecer.

Há cinco anos, ela foi resgatada de um acampamento onde foi obrigada a carregar turistas nas costas. E por isso sua coluna sofreu muitos danos e estava prestes a quebrar. Felizmente, ele veio para o BLES com 60 anos de idade. Onde foi capaz de levar uma vida de paz e aprender a conhecer as coisas que gostava.

Quando ela chegou estava completamente exausta, mas o ambiente a fez conhecer e ter uma nova vida.

Boon Thong, ao chegar, fez uma conexão com outro elefante idoso chamado Sao Noi, que morreu há dois anos. Quando Sao Noi estava prestes a morrer, Boon Thong a acompanhou, ficando ao lado dela e acariciando-a com sua tromba para que ela soubesse que estava acompanhada.

Desta vez foi a vez de Boon Thong dizer adeus ao submundo, mas ela também não estava sozinha.

Pancake sentiu que algo estava acontecendo e quando ela viu que Boon Thong estava se sentindo mal, ela ficou ao seu lado. Ela simplesmente manteve sua companhia, mas não havia nada que a fizesse deixá-la em paz, Katherine e Pancake finalmente se deram a tarefa de acompanhá-la em seus últimos dias.

Uma tarefa altamente emocionante, mas que certamente fez Boon Thong se sentir honrado.

No último dia de Boon Thong, Pancake e Katherine ficaram ao seu lado por nove horas.

«Pancake, com aquele coração lindo, não deixou Katherine ou Boon Thong sozinha uma única vez. Ela sabia que era necessário, para oferecer apoio. E ela ficou em silêncio com o elefante, até o pôr do sol, até o último encorajamento “. Foram as palavras que BLES funcionários escreveram em suas redes sociais.

Boon Thong foraging in the forest – living the life of a real elephant now. So beautiful to see her thrive at Boon Lott's Elephant Sanctuary – BLES <3

Posted by Evelyn Connor on Monday, August 21, 2017

Como homenagem, seu túmulo foi inundado de frutas e flores. Além disso, seu corpo vai repousar junto ao corpo de sua boa amiga São Noi, e no lugar onde ela finalmente poderá ser feliz e levar uma vida plena.

Compartilhe esta história emocionante que nos mostra que os animais podem ser empáticos e ter sentimentos.

Fonte: Zoorprendente

Facebook

Quer mais histórias? Click »