Cão preso e carente que sacudia a cauda para cada pessoa que passava é resgatado e conhece a liberdade e o amor

Os cães não são apenas animais de estimação, eles fazem parte da família. Eles merecem brincadeiras e devem receber abrigo adequado, em vez de serem ignorados e confinados a uma pequena gaiola.

Esta é a única vida que Pip já conheceu. Ele passou toda a sua existência preso em uma gaiola ao ar livre sem ninguém para brincar ou amá-lo.

Ele era um cão tão amigável e tinha muito amor para dar, mas ninguém para receber. Seus donos fingiram que ele não existia, mas tudo que ele queria era atenção.

Toda vez que alguém olhava para ele, ele abanava o rabo e pulava na gaiola para mostrar que queria brincar com eles.

Finalmente, os investigadores de campo da PETA conseguiram tirá-lo de lá. Assim que a voluntária apareceu para libertá-lo, Pip não conseguiu conter sua emoção.

Ele começou a correr ao redor da gaiola, abanando o rabo e pulando para cima e para baixo. Assim que a voluntária entrou, Pip deitou-se de costas para esfregar a barriga.

A mulher colocou uma trela nele e o levou para fora da gaiola pela primeira vez em sua vida. Ele ficou um pouco confuso no começo, mas estava tão feliz por finalmente estar livre.

Ele foi levado ao veterinário para um exame e foi adotado alguns dias depois.

Pip agora está vivendo com uma família amorosa e finalmente está vivendo a vida que ele merece. Ele começa a brincar e se aconchegar no sofá e não precisa mais se preocupar em ficar preso naquela gaiola ao ar livre.

Assista ao seu resgate e nova vida no vídeo abaixo:

Fonte: I Love My Dog

Facebook

Quer mais histórias? Click »