Cão militar e seu companheiro têm a oportunidade de se reencontrar após 2 anos afastados

Sheldon Holland e o seu cão militar Django foram grandes amigos na guerra do Afeganistão. Infelizmente, os dois foram separados quando Sheldon terminou o trabalho com a unidade americana. Antes de se separarem, Sheldon prometeu a Django que eles iriam viver juntos, um dia, na África do Sul. Felizmente, esse dia chegou após 2 longos anos!

“Eu disse que eu estava vindo pegar você. Eu disse, meu menino.” Esta foi uma das coisas que Sheldon disse ao seu amigo patudo, depois de estarem separados há 2 anos. Quando o cão militar avistou o seu melhor amigo, ele não conseguiu conter as suas emoções.

Cão militar reúne-se com o companheiro após 2 anos

Ao ver o tratador através dos portões dos canis de quarentena de Johannesburgo, o animal levantou as orelhas e começou a ficar agitado. No segundo em que foi libertado, ele foi direto para o amigo, com o rabo sacudindo e a língua se agitando. Django não voou para os braços abertos de Sheldon, inundando o homem de beijos e mordidas de brincadeira!

Os dois conheceram-se em Kandahar, Afeganistão, há quatro anos. O par formou imediatamente um laço inquebrável. Trabalhando lado a lado por 18 meses, os dois tornaram-se inseparáveis. Quando Sheldon terminou o seu contrato, ele prometeu ao amigo peludo que um dia ele iria morar com ele na África do Sul.

Após dois anos de separação, Sheldon recebeu as melhores notícias de sempre. O melhor amigo estava a caminho da África do Sul para ir morar com ele! O homem achou que nunca voltaria a ver o patudo. O processo de adoção do cão foi difícil e demorado… mas valeu a pena.

Confira o reencontro emocionante no vídeo abaixo!

É impossível ficar indiferente depois de assistir a estas imagens. Os animais são capazes de criar laços incríveis com os seus humanos, e esta história é a prova disso. Compartilhe o reencontro repleto de emoções com seus amigos e familiares!

Fonte: Relay Hero

Facebook

Você vai adorar estas!