Cão corre até policial que está fora de serviço e implora que ele o siga de volta à floresta

O que você vai ver hoje, vai mostrar portanto, que os cachorros realmente são os melhores amigos do homem. Aqui você já viu diversas matérias que comprovam isso, hoje você vai conhecer mais uma. Onde um cachorro ajudou o seu tutor encontrar ajuda para poder voltar para sua casa.

Cerca de 1 mês atrás, aconteceu uma coisa incrível que vamos compartilhar com você! No mês passado o departamento de Polícia de Manchester recebeu um telefonema de Heidi Sarno. Ele informou que o seu pai de 78 anos chamando Fred Rapp, estava desaparecido.

Ele foi visto pela última vez em Lacey Township às 16h30. Já passava das 20h e já estava escuro lá fora. O Heidi passou então todos as informações que tinha do seu pai para os policiais.

O idoso que estava desaparecido tinha um problema cognitivo e provavelmente não sabia onde estava ou como voltar. Com isso a polícia começou então as buscas imediatamente para poder encontrar o idoso. Como idoso tinha um celular, tentaram rastrear ele pelo GPS.

Pelo GPS, eles puderam ver que Fred não estava hospedado em um local.

Durante a investigação, informações do GPS do telefone celular em andamento foram utilizadas para rastrear a localização do Sr. Rapp, que continuou a mudar.

As áreas identificadas foram as áreas arborizadas ao longo da Rodovia Estadual 37, abrangendo as áreas do rio Toms e do município de Berkeley. Mais especificamente, essas áreas eram os terrenos ASARCO e Crossley Preserve.

Com isso conseguiram ver que o idoso estava perdido em uma floresta, as buscas começaram na floresta a noite, mas o tempo foi passando e já era de manhã.

Durante as buscas, a polícia estava tentando ligar no celular do idoso, depois de tentar muito , o idoso finalmente atendeu às 5h45. Quando o Fred atendeu a polícia não entendeu muito bem que ele falou. O idoso comentou que bateu o carro e se perdeu, mas encontrou alguém que o estava ajudando.

Quando os policiais souberam que o idoso estava com alguém, as coisa não estavam fazendo sentido. Por fim, o idoso passou o celular para o amigo e tudo ficou claro, era um policial de folga chamado Sgt. Brooks.

O policial tinha saído para uma viagem quando notou um cachorro sozinho, os cachorros simplesmente não vagam pela floresta sozinhos. Sabendo disso o policial presumiu portanto que o cãozinho estava perdido do seu dono e com isso ele decidiu ajudar ele a encontrar a sua família.

Com isso ele começou a seguir o cachorro e começou a notar que parecia que o cachorro estava pedindo ajuda, ele queria que o policial o seguisse.

Foi quando então o policial acabou vendo um homem no chão, era o idoso Fred.

O Fred tinha levado o seu cachorro junto com ele, o cãozinho se chama Petie e foi ele que foi atrás de ajuda. Com a ajuda do seu cãozinho o idoso foi encontrado pelo policial.

Depois de ser resgatado, Fred foi levado para receber o tratamento médico de que precisava. Sem a dedicação do Petie o cachorro e a coincidência do Sgt. Brooks fazendo uma viagem, quem sabe como as coisas teriam acontecido. O departamento de polícia disse que era perfeito em sua declaração final:

“Essa situação evidencia o fato de que policial é policial 24 horas por dia, sete dias por semana. Nós somos realmente afortunados que o sargento Brooks estava no lugar certo na hora certa porque sem a sua ajuda não há como saber como essa história teria terminado ”, disse a chefe de polícia de Manchester, Lisa Parker.

Confira o vídeo abaixo!

Thank you, Jim Murdoch of News 12 New Jersey for stopping by and doing a story on Sgt. Brooks and Petey! We are thankful that Mr. Rapp is doing well! https://newjersey.news12.com/off-duty-police-officer-finds-man-missing-in-the-woods-with-help-of-dog

Posted by Manchester Police on Saturday, December 5, 2020

E é claro que não podemos esquecer da atitude do cachorro, que ajudou o seu dono a encontrar o policial, nós sempre vamos falar “os cães são nossos melhores” amigos!

Compartilhe isso com seus amigos e familiares.

Fonte: Portal Amigo Cão

Facebook

Quer mais histórias? Click »