Cadela que chorou de tristeza ao ser abandonada amarrada em uma árvore ganha um novo lar

Cadela que chorou de tristeza ao ser abandonada amarrada em uma árvore ganha um novo lar

Uma cadela que chorou de tristeza ao ser abandonada amarrada em uma árvore ganha um novo lar

Para cada filhote ou cachorro, seu dono é um herói, mesmo que não seja, e para esses nobres anjinhos, seus humanos são pessoas perfeitas, apesar de todos os maus-tratos que recebem deles.

É por isso que a peluda dessa história chamada Favela não termina de aceitar o que sua família fez com ela.

Em abril passado, uma mestiça preta foi encontrada por voluntários da organização Caninos 911 que vive em Villahermosa, estado de Tabasco (México).

Aparentemente, um samaritano havia relatado a situação e esses jovens não demoraram muito para chegar ao local para resgatar o cachorro.

Essa beldade foi batizada de Favela e ficava nas proximidades de um terreno onde sua família decidiu deixá-la. Eles perceberam imediatamente que era um caso de abandono porque a pobre criatura estava presa a uma árvore com uma trela vermelha.

Em vez de entregá-la a alguém que a amava, sua antiga família optou por deixá-la de lado.
Cadela que chorou de tristeza

O pior é que a peluda estava triste, muito dócil e aflita como se esperasse que seus donos voltassem para ela. Infelizmente, como em muitas histórias, isso não foi possível. Eles a tinham cortado de suas vidas e ela não podia aceitar isso.

Por sorte , os socorristas chegaram a tempo e com a maior vontade de ajudá-la, encheram-na do amor que a pobrezinha precisava. Favela soube rapidamente que eram boas pessoas, mas sua dor era tão grande que seus olhinhos pareciam chorar.

Comovidos com a situação, seus socorristas fizeram um vídeo que compartilharam em suas redes sociais.

A gravação facilmente se tornou viral; no entanto, isso não ajudou o peludo a encontrar uma família imediatamente. Aliás, dias depois de ser resgatada, Favela participou de eventos de adoção com outros filhotes do abrigo, mas não teve sorte.

Ela conheceu pessoas muito gentis, mas nenhuma família se atreveu a levá-la para casa e torná-la parte deles.

Essa situação novamente partiu o coração deste bom e gentil cão.

Quase dois meses se passaram desde que a organização encontrou o Favela e no dia 19 de julho veio uma notícia que deixou nossos corações felizes. A menina peluda amarrada àquela árvore conheceu a família que a amará para sempre.

Uma mulher de bom coração chamada Gladyz González Gurrola conheceu o canino e não pôde deixá-la ir.

Essa mulher samaritana e sua família se tornaram os novos responsáveis ​​pela Favela.

Depois de meses com o coração partido pelo infeliz ato de seus ex-humanos, agora a peluda respira feliz novamente porque encontrou uma nova família.

“Estamos felizes e eu sei que você também está. Eles adotaram uma de nossas mimadas ,muito obrigado madrinha Gladys González Gurrola e sua linda família pela escolha dela, sabemos que o Favela está em excelentes mãos. O esquadrão Caninos 911 os abraça com o coração”, relatou Caninos 911 em seu Facebook.

Não foi um dia fácil para a peluda que parecia não esquecer tudo o que viveu com sua antiga família, mas agora é hora de começar uma nova história e ela o fará de mãos dadas com um grupo de pessoas responsáveis.

Os meninos do Caninos 911 acompanharão o desenvolvimento do Favela em sua nova casa e os cuidados de seus novos empresários.

Queremos confiar que tudo vai correr maravilhosamente bem com esta menina que não merece continuar a sofrer. Obrigado a todas as pessoas que ajudam a escrever finais felizes como os da Favela, vocês merecem o céu!

Trouxemos essa história do Zoorprendente para você.

Compartilhe com seus amigos, pois isso nos ajuda a espalhar bons conteúdos e manter o projeto. Obrigado.

Facebook

Você vai adorar estas!

Sair da versão mobile