Bebê pesa apenas 500g e recebe sentença de morte, mas uma ideia inteligente do médico salva sua vida

Quando Pixie nasceu, ele pesava quase 500 gramas, ele deveria portanto ter ficado no ventre de sua mãe por mais 12 semanas.

Quando sua mãe, Sharon Grant, tinha apenas 28 semanas de gestação, houve então complicações com o cordão umbilical e a placenta, o que fez com que a Pixie parasse de crescer.

Ainda faltavam três meses de gravidez, mas os médicos foram forçados a realizar uma cesariana de emergência para salvar Pixie.

Os médicos não acreditavam que esse pequeno bebê pudesse sobreviver por mais de algumas horas.

Pixie foi levado às pressas para a unidade de terapia intensiva, onde os médicos tentaram fazer tudo ao seu alcance para mantê-lo vivo. Não era maior que a mão de sua mãe e muito, muito frágil.

O hospital não tinha equipamento que fosse pequeno o suficiente para manter Pixie aquecido, até que um dos médicos teve uma ideia.

Embora a ideia fosse um tanto estranha, ninguém tinha uma sugestão melhor para manter o bebê aquecido.

Ele colocou o bebê em um saco plástico

Eles colocaram Pixie em um pequeno saco plástico e depois levaram para o departamento de terapia intensiva neonatal.

Embora esse método possa parecer bastante estranho e até perigoso, ele já foi usado antes.

After 3 months in an incubator, @Derriford_Hosp allowed baby Pixie home: http://alturl.com/2gzaa. Born 10 weeks early &…

Posted by Liskeardprayers on Thursday, November 5, 2015

De acordo com o New York Times, a pele dos bebês perde fluido rapidamente, para manter o bebê em um saco plástico ou embrulhá-lo em filme plástico, isso pode dar-lhes melhor calor do que um cobertor normal.

Um dos médicos diz que não é tão estranho quanto se acredita que embrulhe bebês prematuros em sacos plásticos para manter seu calor.

“Era tão estranho que eles tivessem em um saco plástico, deve ter sido o que estava na sala de cirurgia na época “,  disse Sharon ao  The Telegraph .

Sharon estava obviamente muito preocupada com seu bebê, mas ao mesmo tempo esperançosa de que ele estivesse nas mãos de excelentes médicos.

Durante 18 longos dias, ele não pode ver seu bebê porque era muito arriscado e poderia fazer perder peso. Algo que poderia por em perigo a sua vida.

What a little miracle! Premature baby Pixie was born three months early and was so tiny when she was born doctors put…

Posted by real fix on Wednesday, October 21, 2015

Mas Pixie era um verdadeiro lutador e hoje ele é perfeito apesar de ser muito sensível a infecções e ter que se proteger do contato com outras crianças ou pessoas doentes.

Um único resfriado significa ter que entrar com Pixie no hospital.

Fonte: Newsner

Facebook

Quer mais histórias? Click »