Avó hospitalizada queria ver seu cão – Então a neta o leva disfarçado de bebê

Como qualquer um que realmente ame seu animal de estimação, seu maior medo é que ele sofra. Isso inclui também sofrer pela ausência de seu dono. Muitas vezes os donos mais idosos e hospitalizados, sentem-se ainda mais doentes e tristes pelas saudades que têm de seus animais.

Essa avó estava hospitalizada e uma das suas grandes preocupações era saber se seu patudinho estava bem. As saudades do canino iam lentamente destroçando seu coração.

Ver o sofrimento de nossos entes queridos nunca é uma situação fácil. A perda é também uma daquelas situações pelas quais todos somos obrigados a passar mas isso não quer dizer que por sabermos, as situações sejam mais fáceis de serem encaradas.

Quando a avó de Shelby teve uma reação adversa à medicação receitada e ficou hospitalizada, a neta surgiu com uma ideia brilhante com o objetivo de animar um pouco mais a idosa que significava tudo para si. Patsy é o cachorrinho de Dona, a avó. Eles foram obrigados a ficar longe um do outro por vários dias por causa do internamento.

Embora pareça simples a ideia de levar Patsy ao hospital, não é permitida a entrada de animais no edifício. Esse entrave deixou Shelby com um grande problema entre mãos. Ela sabia que a visita do filhote à sua avó seria uma solução para a solidão que a mulher sentia. Então a jovem surgiu com uma ideia que seria bem possível de realizar…

Twitter

Shelby envolveu Patsy em um cobertor como um bebê e a levou até o quarto de Dona. A equipe do hospital achava que a jovem estava segurando um bebê e não se preocupou em inspecioná-la mais. Patsy sentiu o poder de toda a situação e manteve-se sossegada, o que ajudou imenso a não levantar suspeitas. 

Twitter
– Shelbae

Graças a Shelby, Dona e Patsy puderam aproveitar um pouco da companhia uma da outra, matando saudades por breves instantes. Não sei alguém mais teria coragem de fazê-lo, mas essa jovem destemida não podia mais ver o sofrimento nos olhos de ambas e fez o que tinha de ser feito!

Se você achou essa atitude linda, compartilhe!

Fonte: Good Fullness

Facebook

Quer mais histórias? Click »