Bebê de dois meses é abandonado num cemitério entre dois túmulos

Existem pessoas realmente sem coração neste mundo. Uma mulher das Filipinas decidiu abandonar o seu filho de dois meses, sem dó nem piedade, entre dois túmulos. Assustado e sozinho, o bebê abandonado num cemitério começou a chorar. Felizmente, dois transeuntes ouviram o choro da criança, e encontraram o ser frágil no cemitério de Quezon.

Daily Mail

Sem demoras, os bons samaritanos colocaram o menino num tuk-tuk e levaram-no para o hospital. Após vários exames e testes, os médicos descobriram que o bebê estava abandonado há algumas horas.

Daily Mail

O resgate aconteceu no dia 28 de maio, e desde esse dia a Louis está sob a responsabilidade das autoridades. A avó da criança reconheceu o neto nas notícias, e chamou a polícia. Gloria Perez denunciou a própria filha, Lara Sentillas, pelo seu horrendo crime.

Daily Mail
Mais algumas horas e o bebê perderia a vida

“Um vizinho encontrou o bebê depois de ouvi-lo chorar, ele voltou para pedir ajuda e um grupo de pessoas veio buscar o bebê. O menino tinha sido deixado lá a noite toda. Poderia ter terminado pior do que isto. Se ninguém o tivesse ouvido naquela manhã, existe um monte de cães vadios e roedores nesse cemitério. Se o bebé tivesse sido ferido ou se estivesse doente, ninguém estaria lá para ajudá-lo, é realmente graças a Deus que ele está seguro agora,” disse uma testemunha. Sentillas, a mãe do bebê, foi presa pelo abandono cruel, e pode enfrentar uma enorme pena de prisão.

Daily Mail

A polícia revelou que a criança recebeu cuidados médicos e está bem de saúde. E, acima de tudo, está segura junto das autoridades locais, até encontrar uma família.

Daily Mail

O julgamento da mãe ainda não foi agendado, mas é muito provável que ela receba uma sentença severa. Compartilhe se é contra o abandono de crianças!

Fonte: Vamos Lá Portugal

Facebook

Quer mais histórias? Click »