A história por trás do vídeo viral de um policial brincando com um cachorro

Conheça a história por trás do vídeo viral de um policial brincando com um cachorro.

As redes estão cheias de vídeos de cachorros que nos roubam um sorriso e até acabam por alegrar o nosso dia. No entanto, raramente conhecemos as histórias por trás dessas gravações curtas que se tornam virais.

Por isso, hoje queremos apresentar-lhe esta cadela e a bela história por detrás do seu vídeo viral.

A história chega até nós do Brasil, especificamente da cidade de Bezerros, no Agreste, Pernambuco. Nesta comunidade vive a pequena Portaria, uma cadela mestiça que em segundos conseguiu conquistar o coração de milhares na internet e tudo à custa de sua graça e simpatia.

Há algumas semanas, circulou nas redes sociais uma gravação em que o cachorrinho foi visto brincando com o policial uniformizado, era o policial militar Clésio Santos que faz parte da “guarnição” do Agreste.

O cachorro e o policial se tornaram bons amigos desde que se conheceram.

No vídeo, a insistente Portaria é vista curtindo o fato de o homem a puxar pelas perninhas e a arrastar pelo chão como se ela fosse um carro. Obviamente, isso foi feito por Clésio com muito cuidado para não machucá-la. Na verdade, o que aparentemente excita tanto a cadela é que, quando suas costas são arranhadas, isso lhe dá uma sensação de alívio.

Pelo menos é o que parece ao ver o peludo tão satisfeito e animado, ao mesmo tempo em que insiste que o homem continue com o jogo.

Acontece que este cão é um dos cães sortudos que encontraram um lar no comando. 

“Temos de sete a oito filhotes que foram adotados. Ela já faz parte da Polícia Militar”, disse Santos.

A gravação foi divulgada não pelos cuidadores da Portaria, mas pela Associação dos Protetores e Amigos dos Animais de Rua de Bezerros (AAPARBE). Uma ONG que trabalha com cães de rua e que estão muito emocionados com a colaboração que prestam no comando aos sem-abrigo.

Aliás, a própria vice-presidente da ONG, Laís Carvalho, aplaudiu o empenho que as forças de segurança têm com estes animais.

Ela espera que a sua actuação sirva de exemplo para a comunidade em geral para que sejam incentivados a tratá-los com dignidade e adotá-los..

A gravação que viralizou faz parte do cadastro que a Polícia Militar costuma enviar aos integrantes da fundação para informar a situação do cachorro e dos outros peludos adotados.

“Já se passaram 15 dias desde que a polícia me enviou o vídeo. Eles sempre mandam notícias sobre eles e cuidam muito bem dos cães. A publicação do vídeo teve a intenção de transmitir esse amor, carinho, respeito, aliança de policiais e bombeiros com a ONG para fortalecer, cada vez mais, a causa animal”. Destacou o vice-presidente da AAPARBE.

Sem dúvida, vale a pena aplaudir a ação desses soldados e vale a pena essa aliança entre as forças de segurança e organizações como esta. No final das contas, cães como o Portaira são os beneficiários e já podemos ver que eles realmente recebem o tratamento justo e amoroso que merecem, pois esse cão parece infinitamente feliz.

Obrigado a todos que se unem para semear o bem e encher de alegria a vida dos animais resgatados. Obrigado por também alegrar nossa existência com esta prova de suas boas ações.

Trouxemos essa história do Zoorprendente para você.

Compartilhe com seus amigos, pois isso nos ajuda a espalhar bons conteúdos e manter o projeto. Obrigado.

Facebook

PODE GOSTAR TAMBÉM