Quando chegam em casa, encontram o cão com uma ferida de bala. Um bilhete na porta explica o motivo da tragédia

Os policiais são essenciais para o bem-estar da sociedade. Eles combatem as injustiças e o crime. Mas esse policial não merecem a honra de usar sua farda. Saiba porquê!

Quando essa família chegou ao seu lar, nunca imaginou o que iria encontrar….

Depois de terem passados horas fora de casa, eles encontraram uma cena horripilante! O seu cachorro, Bruno, estava gravemente ferido por uma bala. Todos ficaram chocados, sem saber o que se tinha passado. Foi aí que se depararam com um bilhete na sua porta. Lá estava uma mensagem a “explicar” o sucedido.

Angie Laymon
Angie Laymon

A nota era da Comissária da Polícia de Rogers, e dizia o seguinte:

Angie Laymon
Angie Laymon

“Estavamos a investigar um crime e o seu cachorro atacou um policial nosso. O cachorro levou um tiro e precisamos que nos liguem”.

Segundo Angie Kaemmerling Laymon, ocorreram alguns distúrbios no bairro nesse dia. Um policial tinha ido à sua casa fazer algumas perguntas sobre a vizinhança, mas ela não estava. Ele sentiu-se ameaçado pelo cachorro e disparou.

Bruno estava fazendo o seu dever, a cuidar da casa de seus donos e foi alvo desse terrível ato de crueldade!

Só três horas depois é que Angie e suas filhas chegaram a casa, encontrando Bruno sangrando e muito triste.

As possibilidades de recuperação do animal eram mínimas. Os ferimentos foram tão graves que os veterinários não sabiam se ele iria sobreviver. Como a família não tinha dinheiro para o tratar, tiveram de angariar fundos no site “GoFundMe”.

Angie Laymon
Angie Laymon

Apesar da atitude cruel, Angie resolveu não revelar o nome do policial.

Angie Laymon
Angie Laymon

O cachorro sobreviveu aos ferimentos, mas infelizmente perdeu uma perna. Bruno ainda tem um longo caminho a percorrer, mas está a recuperar bem.

Angie Laymon
Angie Laymon

Compartilhe se você é contra a crueldade animal!

Facebook

Quer mais histórias? Click »