Onde vai parar o plástico que jogamos fora? 27 fotografias vergonhosas que respondem à pergunta

A poluição do ser humano está cada vez mais descontrolada. Mais de 50% dos objetos e recipientes de plástico são utilizados apenas uma vez! A percentagem de plásticos que são reutilizados ou reciclados é mínima… Então, o que acontece com o restante? Essas 27 fotografias vergonhosas que vão ver em seguida vão lhe responder a essa pergunta.

Onde vai parar o plástico que jogamos fora?

Segundo as estatísticas, nós reciclamos apenas 10% do plástico que jogamos fora.

Distractify

Na imagem acima, você pode ver o plástico coletado em 1 mês por uma usina de reciclagem no Japão. Se reciclamos apenas 10%, imagine o volume que os 90% restantes ocupam!

Uma pessoa joga, na média, 85 kg de plásticos para o lixo por ano.

Distractify

Na Eslovênia, uma artista local chamada Miha Artnalk criou O Monstro do Plástico. Essa instalação artística surgiu para aumentar a consciencialização sobre o efeito do plástico. A escultura é feita de 40.000 sacos de plástico e 7.500 copos de plástico usados.

Distractify

Seus tentáculos de plástico se estendem por toda a capital Ljubljana!

Distractify

O mundo consome mais de um milhão de sacos de plástico por minuto, e a maioria é utilizada apenas uma vez.

Distractify

Estima-se que um cidadão comum consome cerca de 500 sacos plásticos por ano.

Distractify

Mas os sacos plásticos são apenas uma parte do problema… as garrafas, por exemplo, são outra grande fonte de poluição. Abaixo podem ver O Labirinto da Reciclagem, uma instalação de arte feita com 8.000 garrafas de plástico, colocadas perto do edifício da ONU, Genebra, em 2011.

Distractify

O ser humano descarta 35 bilhões de garrafas de plástico por ano…

Distractify

… ou seja, cerca de 1.500 garrafas de plástico por segundo.

Distractify

No ano passado, na Governors Islands em Nova Iorque, 1.500 garrafas de água foram penduradas para consciencializar sobre a quantidade de plástico consumido por segundo nos Estados Unidos.

Se acha que 90% do plástico não reciclado termina no aterro, você está errado.

Distractify

A fotografia acima, que mostra a remoção de resíduos de plástico na foz do rio da cidade de Los Angeles, é a prova disso!

O plástico constitui aproximadamente 90% de todo o lixo que flutua no oceano.

Distractify

Estima-se que cerca de 46.000 peças de plástico flutuam por quilómetro quadrado. Isso é suficiente para cobrir 40% da superfície dos oceanos.

Distractify

Pouco a pouco o plástico de uma garrafa se decompõe em pequenos pedaços. As correntes podem espalhá-las por centenas de quilómetros.

Distractify

Existem praias no Havaí onde existem mais pedaços de plástico do que grãos de areia. Os plásticos derretem e se juntam a outros detritos jogados no mar.

Distractify

Essa rocha é uma mistura de lixo, plástico derretido, fragmentos de lava basáltica e restos orgânicos, como cascas de frutas e cocos. No futuro, quando os cientistas analisarem os sedimentos nas rochas, eles se lembrarão da Era do Plástico.

Distractify

Todo esse plástico é desagradável e irritante para os humanos, mas é mortal para milhares de animais.

Distractify

1 milhão de aves e 100.000 mamíferos marinhos morrem todos os anos devido ao plástico que flutua nos oceanos. Abaixo pode ver um tubarão branco, que apareceu morto devido à poluição na praia de Kamilo, no Havaí.

Distractify

44% das aves marinhas e 22% dos cetáceos encontrados nas praias têm pedaços de plástico em seus tratos digestivos. Isso também afeta todas as espécies de tartarugas marinhas e alguns peixes.

Esse é um cadáver de pássaro, seu interior estava coberto de lixo que comeu…

Distractify

Alguns não morrem por ingestão, mas por não conseguirem se libertar dos plásticos. Esse Ptilonorhynchidae australiano tem um anel de garrafa embutido na boca. Se não tivesse sido resgatado, ele não conseguiria se alimentar e acabaria por morrer.

Distractify

Foca presa em redes de pesca e outros materiais que flutuavam à deriva.

Distractify

Um Albatroz-de-Laysan com o pescoço preso em um cabide de plástico.

Distractify

Um caranguejo comum usando uma tampa de plástico como casca.

Distractify

Outro exemplo: um saco de plástico envolvendo um coral, privando-o da comida.

Distractify

Ave marinha presa dentro de um saco de plástico.

Distractify

A única maneira de acabar com essa loucura é buscar alternativas para itens vendidos em recipientes plásticos.

Distractify

Escolha alimentos e produtos que venham em vidro ou papel. Não se esqueça de reciclá-los depois! Para além disso, quando for às compras, leve sacos de pano. Assim, vai poupar dinheiro e ajudar o ambiente.

Distractify

A pouco e pouco, entre todos, vamos fazer tornar o planeta num lugar melhor. Faça a sua parte: recicle, reutilize e, acima de tudo, se puder, não compre plástico descartável.

Compartilhe essa matéria para sensibilizar outras pessoas sobre a poluição!

Fonte: La Voz del Muro

Facebook

Quer mais histórias? Click »