Mãe fica destroçada quando o médico entra e lhe dá notícias sobre seu ultrassom

Um dos momentos mais emocionantes para uma mãe é saber qual o sexo de seu bebê. Essa mãe estava ansiosa por descobrir se ia ter uma menina ou um menino. Mas quando o médico trouxe notícias sobre seu ultrassom, o coração da mulher quebrou em mil pedaços.

Tal como qualquer outra mãe, Katie Whiddon esperava ansiosamente saber o sexo de seu filho. Ela estava grávida de 18 semanas, e gostava muito de ter uma menina. Quando o técnico de ultrassom deixou a sala com pressa, Whiddon pensou: “Talvez ele simplesmente não consiga ver o sexo do bebê”.

O técnico voltou para a sala com o médico, mas a mãe não queria acreditar que algo poderia estar errado com o bebê. Ela ainda estava convencida de que eles simplesmente não podiam ver se era menino ou menina. Mas depois, ela ouve: “As coisas não estão boas. As coisas estão realmente ruins”, e percebeu que algo de terrível estava acontecendo com seu filho.

Facebook – National Pro-Life Alliance

Nessa altura, o médico deu as más notícias: era um menino, mas ele não tinha nem pernas nem braços. Ela pensou em muitas possibilidades, mas nunca esperava saber que seu bebê nunca iria andar nem poder lhe abraçar. A maioria das gestantes só se preocupa com a decoração do berçário e comprar pelúcias fofas. Mas Whiddon não teve essa sorte…

Não querendo que seu filho tivesse uma vida de sofrimento, ela agendou um aborto. No entanto, ela continuava orando pela criança, e não conseguia deixar de pensar no seu amor por ela. Depois de falar com sua mãe e sua irmã sobre sua situação, ela concluiu que tinha que manter seu bebê.

A mulher sabia que as coisas seriam difíceis, especialmente sendo uma mãe solteira. Felizmente, sua família foi muito solidária e incentivou-a a mudar para a casa deles, para que pudessem ajudá-la enquanto ela frequentava a faculdade.

Instagram

Agora com três anos, seu filho Camden está melhor que nunca. Um vídeo do garoto com seu irmão se tornou viral, com mais de 8 milhões de visualizações no Facebook. No vídeo, nós vemos Camden a acalmar seu mano, colocando uma chupeta na boca. Whiddon se orgulha muito do filho, e diz que ele é um irmão maravilhoso!

“Eu sei que a maioria das pessoas olha para Camden e pensa: pobre criança. Mas quando ele se sente confortável em seus arredores e começa a fazer as coisas por conta própria, todos sempre se reúnem para assistir!”, diz a mãe. Katie Whiddon está tão agradecida por ter escolhido dar vida a seu filho. Agora, ele a espanta todos os dias com sua coragem e determinação.

Compartilhe essa história de superação com seus amigos e familiares!

Fonte: Liftable

Facebook

Quer mais histórias? Click »