Mãe de quatro filhos morre depois de ficar sem subsídios

Elaine Morrall é uma mãe de quatro filhos que morreu de frio porque não podia pagar o aquecimento em sua casa. Isso aconteceu na cidade de Runcorn, na região de Cheshire, Inglaterra. Para além de tudo isso, ela sofria de depressão crónica e anorexia. A mãe de 38 anos fez várias viagens ao hospital.

Apesar de seus problemas de saúde, o governo se recusou ajudar a mulher e seus quatro filhos. Linda, a mãe de Elaine, escreveu uma carta aberta ao conselheiro da cidade expressando sua raiva.

“Quantas pessoas devem morrer antes que o governo perceba que está matando pessoas vulneráveis?”, escreve Linda.

“Minha filha tinha 38 anos. Morreu no dia 2 de novembro em sua própria casa” , diz a mãe da vítima. Por razões financeiras, Elaine resolveu não ligar o aquecimento em casa antes que seus filhos retornassem da escola.

Linda afirma que foi negada a assistência social à sua filha. Seus problemas de saúde e quatro filhos não eram razão suficiente para receber auxílio, de acordo com os serviços sociais.

Para além disso, ela não tinha dinheiro para as consultas por causa de sua doença. “Estar morta é razão suficiente agora?”, escreve Linda.

Um porta-voz dos serviços sociais respondeu oferecendo suas condolências, mas afirma que eles devem seguir procedimentos rigorosos.

“Estamos sempre ouvindo, se as pessoas tiverem problemas com seus subsídios, entrem em contato imediatamente”, diz ele.

Essa é uma tragédia que poderia facilmente ter sido evitada. O que acha sobre a decisão do estado? Compartilhe sua opinião connosco nos comentários!

Fonte: Ayoye

Facebook

Quer mais histórias? Click »