Homem planta jardim em garrafa, que continua vivo e verde mesmo sem receber água desde 1972

Você consegue imaginar algum ser vivo que consiga sobreviver sem água? Se não consegue, então hoje vamos lhe mostrar o contrário como isso é possível. O jardim peculiar que vamos ver agora é a verdadeira prova de como a natureza pode ser auto-suficiente!

Em 1960, o um homem da Inglaterra chamado David Latimer resolveu criar um pequeno jardim em um garrafão de vidro. Desde essa altura, a sua plantação continua verde e bastante viva, apesar de estar lacrada dentro do recipiente. E o mais espantoso de tudo? A última vez que o jardim foi regado foi em 1972!

Upsocl

Tudo começou por que o homem queria encontrar uma boa utilidade para seu bonito garrafão. Foi aí que ele resolveu fazer essa experiência. 57 anos depois, seu jardim ainda continua saudável e auto-suficiente…

Upsocl

Latimer colocou o composto com terra dentro do garrafão num domingo de Páscoa, em 1960. Depois disso, ele plantou uma Tradescantia no recipiente e deixou o resto acontecer naquele pequeno ecossistema.

Upsocl

Durante os primeiros doze anos do jardim, a planta ficou intocada e lacrada no recipiente. Em 1972, o inglês resolveu abrir o garrafão pela primeira vez, e a regou. Essa foi a única vez, ao longo de todo esse tempo, que ela obteve água de fora.

A única coisa que o jardim tinha do exterior era a luz solar. Ela permite que as plantas realizem a fotossíntese, cresçam e liberem oxigênio e umidade.

Upsocl

Essa umidade fica dentro do garrafão originando uma espécie de chuva. As bactérias atuam sobre as folhas que caem, liberando gás carbônico e voilá – o ciclo fica completo. Essa é uma mini versão do que acontece ao redor do planeta, com uma grande diferença: não possui interferência humana.

Upsocl

É lindo ver como a natureza é forte, bela e auto-suficiente mesmo nos lugares mais estranhos!

Facebook

Quer mais histórias? Click »