Dono fica horrorizado quando seu cachorro chega a casa com uma flecha atravessada no peito – mas depois ele vê 1 palavra escrita na seta

Uma família de Ohio ficou de coração partido depois que seu labrador, de 9 anos de idade, foi alvejado no peito com uma flecha. Os donos do animal, Chatfield e Christine Redick, acreditam que o ato impensável foi intencional. O casal não entende como alguém poderia machucar um cachorro tão amoroso e de coração gentil. “Ele é o nosso animal de estimação da família”, diz Christine.

Facebook – Christine Redick

O casal explicou que a sua cerca invisível estava com defeito. O cão, chamado Cosmo, conseguiu escapar e correu em direção à região selvagem que rodeava o bairro de Wooster, em Ohio.

No dia 4 de Outubro, uma vizinha telefonou para a família Redick’s, dando a notícia de que Cosmo havia sido atingido. “Ela voltou para casa do trabalho e encontrou nosso cachorro sentado no quintal com uma flecha em seu peito”, disse Chatfield Redick.

Doggies

Dada a escolha entre a eutanásia ou cirurgia de emergência, a família foi com a segunda opção… Um raio-x revelou que a flecha não atravessou o coração e os pulmões por meros milímetros.

“Apenas quebrou meu coração saber que alguém foi capaz de fazer isso com um cachorro”, expressou Christine Redick. “Eu acredito que não há maneira de isso ter sido um acidente”.

Doggies

Uma pista ajudou os investigadores a descobrir um suspeito. Na flecha que perfurou o corpo de Cosmo estava escrito um nome, que correspondia a um adolescente local de 16 anos.

Conforme os relatos da comunicação social, o jovem de 16 anos confessou atirar sobre o cachorro depois de ir a interrogatório. No entanto, o adolescente afirmou que foi um acidente. Ele afirma ter confundido o cão com um coiote enquanto caçava com seu arco e flecha.

As acusações formais contra o menor estão pendentes, de acordo com a polícia do condado de Wayne. “A violência contra animais de estimação é algo que não vamos levar levemente”, disse o capitão Doug Hunter.

Doggies

“Os caçadores não perseguem animais domésticos e quem cometeu esse atentado não passa de um criminoso”, continuou Hunter. “Nós faremos tudo o que pudermos para o responsabilizar”.

Por enquanto, a família Redick tem o prazer de relatar que a Cosmo está recuperando a passos largos. Se não fosse pelo pêlo raspado e as cicatrizes, dificilmente saberíamos que o cachorro havia passado por uma situação tão terrível:

Felizmente, tudo isso não passou de um susto e o animal está bem de saúde. Apesar disso, esperamos que o agressor pague por tudo aquilo que fez. Compartilhe essa história se também é contra os maus tratos de animais!

Fonte: Liftable

Facebook

Quer mais histórias? Click »