Ela alimenta seu cão com óleo de coco e começa a notar uma transformação enorme

Todos aqueles que estão sempre atualizados das últimas tendências de saúde, estão adicionando óleo de coco em suas refeições, pele e cabelo. O óleo de coco é um produto bem fácil de encontrar em qualquer loja por todo o país.

Os donos de animais de estimação acharam os benefícios para a saúde de seus pets e agora incorporam esse óleo milagroso na alimentação diária de seus cachorrinhos também. Muitas vezes os amantes de patudos se preocupam mais com seus bebês do que com eles próprios. O que importa é que nossos caninos sejam felizes e saudáveis.

Existem muitos benefícios do óleo de coco para nossos amiguinhos patudos e diferentes formas de usá-lo. Esse produto é classificado como uma “super comida para cachorros”. De uma forma geral, os donos que já usam esse óleo em seus filhotes, fazem-no com o intuito de melhorar a saúde geral de seu amigo. É um tratamento alternativo para uma variedade de condições caninas e não existem evidências de que seja prejudicial para seu animal de estimação.

Morgan Swofford

Explicando um pouco mais cientificamente, a maioria dos estudos sobre os benefícios do óleo de coco foram conduzidos em seres humanos, porém, não existem razões para que as mesmas vantagens não sejam aplicáveis nos cachorros. O enorme benefício do óleo de coco nos quatro patas é que o óleo é composto por mais de 90% de gordura saturada.

Algumas pessoas associam o termo “gordura saturada” a algo mau, contudo, não é o caso. As gorduras saturadas desse produto, são na sua maioria compostas por triglicérides de cadeia média (MCT). De acordo com a Sociedade Americana de Nutrição: “o óleo de coco é feito principalmente de ácidos graxos de cadeia média, o que significa que é gasto imediatamente pelo organismo, em vez de ser armazenado”.

Esses termos científicos podem confundir-nos um pouco. O que interessa saber é que as MCT são gorduras boas que têm ácido láurico e caprílico que ajudam em muita coisa, como na perda de peso, melhor digestão, suporte do sistema imunológico, saúde da pele, tiróide, entre outras coisas.

Os cachorros podem comer o óleo de coco?

Morgan Swofford

Claro, os cachorrinhos podem comer óleo de coco. Na verdade, eles poderiam comer um frasco inteiro de óleo de coco e só acabar com algumas fezes soltas. Contem uma toxicidade muito baixa e leva mais de dois anos para ficar com ranço, por isso, é um suplemento dietético seguro para o seu animal de estimação.

Se você adicionar uma pitada de óleo de coco nos alimentos de seu patudo todos os dias, irá recolher alguns benefícios. Comece por adicionar uma colher de chá de óleo de coco, por cada 10kg que o seu canino pesar, ou três colheres de sopa se seu patudo tiver 30kg. Administrar aos poucos é ótimo para que você possa perceber se seu amigo tolera bem. Se der muito desse óleo para seu pet de uma só vez no começo, ele poderá ter efeitos colaterais assemelhados à gripe.

Esse produto não contém óleos ômega- 3 como o peixe ou a linhaça. Ômega- 3 é essencial para a dieta de seu peludinho. Certifique-se que não substitui um pelo outro. Cada um tem a sua função e benefícios.

De acordo com a Dr. Kathryn Primm, ” a adição de óleo de coco é relativamente segura, mas deve ser contabilizado no lote de calorias do seu cachorro e você deve informar o seu veterinário que o está incluindo em sua alimentação”.

A maioria dos patudinhos adora o sabor do óleo de coco mas saiba que eles são bem exigentes na hora de comer. Não economize nesse produto. Seu animal de estimação deve ter a mesma qualidade com que você se alimenta. Na verdade você pode compartilhar! Procure um óleo não refinado (virgem) em frascos de vidro.

Benefícios do óleo de coco para caninos

Morgan Swofford

Os donos de cachorros que já sabem dos benefícios do óleo de coco, na alimentação de seus pets, estão compartilhando com eles e tornando suas dietas saudáveis.

1. Pelo brilhante

Morgan Swofford

Quando o óleo de coco é adicionado ao alimento do seu patudo, seu pelo fica imediatamente mais brilhante.

2. Pele Saudável

Morgan Swofford

O óleo de coco ajuda em uma variedade de condições de pele como eczema, pontos quentes, pele seca, levedura e infecções fúngicas e picadas. Quando aplicado topicamente para as condições da pele, esfregue uma pequena quantidade na área afetada algumas vezes ao dia.

Seu filhote vai amar um “tratamento de spa” com óleo de coco. Você pode usá-lo ao mesmo tempo que qualquer medicamento prescrito, de qualquer forma, é boa ideia informar seu veterinário primeiro.

A consistência do óleo de coco varia dependendo da temperatura. Geralmente começa a amolecer em torno dos 25º. Aplique na pele irritada de seu cachorrinho e veja os resultados.

3. Tratamento de pequenas feridas e cortes

Morgan Swofford

Você deve aplicar o óleo de coco diretamente sobre as pequenas feridas e cortes de seu canino. Coloque também uma suéter em seu amiguinho e supervisione-o para garantir que sua pele absorve o óleo. O processo demora cerca de 5 minutos.

Ainda neste tema, a revista Dogs Naturally compartilhou com seus leitores uma receita de um antibiótico tópico alternativo para seu cachorro:

Coloque quatro colheres de sopa de óleo de coco em um frasco de vidro ou garrafa.
Deixe-a assentar ao sol em um local quente até atingir a temperatura ambiente.
Adicione 12 gotas de óleo de orégano (não se esqueça de aplicar óleo de orégano diretamente em seu canino).
Misture o óleo de coco e o óleo de orégano com uma colher.
Use o creme como um antibiótico tópico (se o animal lamber essa mistura não tem problema).
Coloque uma tampa sobre o frasco, assim ele vai durar vários meses.

4. Cheiro a cachorro

Morgan Swofford

Para além de ajudar com o mau hálito dos cachorro, o óleo de coco ajuda a evidar que o animal cheire mal. Funciona basicamente como um desodorante. Ao adicionar as medidas já recomendadas à dieta do seu pequenote, o óleo ajudará a combater os odores ofensivos que às vezes nossos filhotes emanam.

5. Tratamento contra o envelhecimento cerebral

Morgan Swofford

Ninguém gosta de observar seu filhotinho perdendo capacidades cognitivas. Alguns cachorrinhos tornam-se confusos, andam aos círculos pela casa e chegam mesmo a ter acidentes. O outro benefício do óleo de coco para os caninos é tratar o envelhecimento de seu cérebro. Ele evita a demência em seres humanos, por isso, não há razão para que ele não possa fazer o mesmo por nosso amiguinhos.

6. Perda de peso

Morgan Swofford

Esse óleo é quase como uma poção mágica. Ele funciona também de uma forma segura para seu peludo perder peso. Se ele estiver um pouco rechonchudo, adicione óleo de coco em sua dieta, isso fará com que ele emagreça em algum momento. Naturalmente o exercício regular ajudará em todo o processo.

7. Impulsiona o sistema imunológico

Morgan Swofford

O óleo de coco contém dois ingredientes únicos que o tornam excelentes a aumentar a imunidade. Ácido láurico e ácido caprílico contribuem para combater o excesso de levedura e infecções bacterianas. Eles também têm propriedades antivirais, o que o torna um excelente aliado à dieta de seu bebê.

8. Tratamento da Diabetes

Morgan Swofford

O óleo ajuda a regular e equilibrar a insulina. Muitos donos de cachorrinho relatam que adicionar o óleo de coco à dieta de seu pet ajudou sem dúvida a controlar seus diabetes.

9. Ajuda a fazer a Digestão

Morgan Swofford

Esse óleo ajuda a absorver nutrientes mais facilmente, levando a que o metabolismo trabalhe mais rápido. É também conhecido por ajudar com problemas intestinais, como a colite e o intestino irritável.

Quanto óleo de coco e que tipo?

Morgan Swofford

O recomendado é administrar uma colher de chá por cada 10kg que o seu patudo tiver. No caso de ele ter 30kg, administre 3 colheres de sopa. Sempre deve começar por dar para seu patudo uma dose inferior à recomendada, para que ele possa ir habituando o seu organismo.

Ao usá-lo como creme, não existe limite de quantidade. Normalmente uma colher de chá deverá bastar para ir aplicando algumas vezes por dia. Se seu cachorro lamber o óleo que lhe for administrado, isso não irá prejudicá-lo.

O melhor tipo de óleo é o virgem, óleo de coco orgânico. O óleo de coco não refinado, tem um leve sabor e cheiro de coco. É tipicamente produzido através do uso de cocos frescos e o processamento é muito limitado. É importante estudar a quantidade de processos pelos quais o óleo que você compra passou. Lembre-se: Menos processamento, mais benefícios para seu filhote!

Os óleos refinados são obviamente mais baratos por são produzidos a partir da copra seca, não de cocos frescos. Passa por vários níveis de processamento, incluindo uma desodorização e branqueamento. Não são de todo uma boa opção.

Não se esqueça de consultar seu veterinário antes de introduzir óleo de coco na dieta de seu cachorro. Como qualquer outra coisa, o óleo deve ser consumido com moderação. Experimente e diga-nos como está correndo sua experiência e que diferenças está notando.

Facebook

Quer mais histórias? Click »