Homens entram em reserva para caçar rinocerontes e acabam sendo devorados por leões

Durante anos, os países africanos se juntaram a várias campanhas para proteger as vidas dos rinocerontes, que estão em perigo de extinção. No entanto, algumas pessoas cruéis ignoram o pedido de atenção e continuam em atividades ilegais, como a caça furtiva.

Facebook – Sibuya Game Reserve

Na África do Sul, um grupo de caçadores recebeu uma colher de seu próprio remédio. O incidente ocorreu em Sibuya, uma reserva de animais no sul de África.

Os homens estavam seguindo os passos de um grupo de rinocerontes…

No entanto, os caçadores não esperavam que um bando de leões estivesse por perto e o resultado foi fatal. Na verdade, as autoridades ainda não tem certeza de quantas pessoas foram atacadas, mas estima-se que sejam pelo menos três mortos.

Facebook – Sibuya Game Reserve

O dono da reserva privada postou no Facebook o que aconteceu em Sibuya…

Nick Fox, o proprietário, escreveu que um dos trabalhadores notou a presença de restos humanos. Eles estavam acompanhados de armas, silenciadores, machados e suprimentos alimentares, com a óbvia intenção de caçar os rinocerontes.

Facebook – Sibuya Game Reserve

Estes são alguns dos autores do “karma” dos caçadores:

“Estamos tristes por qualquer perda de vida, mas os caçadores vieram para matar os nossos animais e estes enviaram uma mensagem muito clara para qualquer outro caçador.”, declarou Nick Fox, o Proprietário da reserva.

Facebook – Sibuya Game Reserve

Esperemos que atividades como a caça cessem o quanto antes e possamos continuar a desfrutar das espécies, que hoje estão em perigo.

Facebook – Sibuya Game Reserve

Denuncie a caça furtiva, não deixe que mais animais percam suas vidas!

Fonte: Te Importa

Facebook

Quer mais histórias? Click »