Bebê de 9 meses perde a vida após ser deixada no carro ao sol

Apesar de todos os avisos, os pais continuam deixando os seus filhos no carro ao sol. Infelizmente, mais um bebê perdeu a vida por ter sido deixado num automóvel, num dia de muito calor. A criança de 9 meses do Texas foi encontrada inconsciente e, quando os paramédicos chegaram ao local, era óbvio que não havia muito a fazer pela garota.

Bebê trancada num carro ao sol

Os policiais chegaram por volta das 14 horas, e a bebê foi transportada para o Hospital San Jacinto. Infelizmente, a menina perdeu a vida logo depois. Segundo os pais da criança, eles foram a várias consultas médicas com a filha naquele dia, e pensaram que a tinham trazido para casa. Esta foi a versão oficial que deram às autoridades quando foram interrogados.

Daily Mail

Até agora, nenhuma acusação foi feita contra os pais, mas a investigação continua em curso. Ninguém sabe quanto tempo a menina esteve sozinha no carro, mas existem suspeitas. De acordo com o xerife Ed Gonzalez, a família voltou a casa por volta das 11 horas, e pensa-se que a criança esteve no automóvel desde essa altura.

“Eu odeio isso”, escreveu o xerife Gonzalez no Twitter na segunda-feira. “Esta morte poderia ter sido evitada.” Estavam 32 ºC aquele dia, mas o interior do veículo estava ainda mais quente. Centenas de crianças e animais perdem a vida todos os anos devido a este erro que poderia ser facilmente evitado. Para proteger a família, o nome da menina não foi divulgado.

Daily Mail

Por favor, voltamos a insistir e a pedir: nunca deixe uma criança no carro ao calor. Verifique sempre o seu veículo antes de ir para casa, para se certificar de que não se esqueceu do seu filho ou animal de estimação lá dentro. Se for preciso, faça a verificação mais do que uma vez… este simples hábito pode salvar muitas vidas.

Apesar de já ser muito falado, nunca é demais relembrar este assunto, que continua ceifando centenas de vidas todos os anos. Compartilhe o alerta para que as pessoas possam ter mais cuidado neste verão!

Fonte: Ayoye

Facebook

Quer mais histórias? Click »