Cadela não entende porque passou mais de 400 dias no abrigo, ela nem imagina as razões

Mona, uma Staffordshire terrier, teve azar no que diz respeito a encontrar uma família amorosa. Quando ela achava que havia encontrado um lar definitivo, sua vida desmoronou… A cadelinha foi adotada depois de passar 420 dias no abrigo. No entanto, ela foi devolvida no dia seguinte, uma vez que os outros cães da casa “não gostaram dela”.

Facebook – The Animal Foundation
A história se repetiu

Mona foi novamente adotada no dia seguinte… No entanto, por incrível que pareça, ela foi devolvida ao abrigo. Desta vez, a filha mais nova da família acabou por ser alérgica à doce cadela. “Ela foi devolvida sem culpa alguma, e é isso que torna isso um pouco mais emocional.”, disse Brenda Arceo, gerente de adoção da The Animal Foundation.

Facebook – The Animal Foundation

Mona chegou pela primeira vez ao abrigo, quando tinha apenas 5 anos de idade. Sua família se mudou e deixou ela para trás. Apesar de ser um pouco tímida, a cadela tem um coração de ouro e é muito acarinhada no abrigo!

 

Facebook – The Animal Foundation
Muitas pessoas a julgam injustamente

“Ela é um pouco tímida … e gosta de se esconder na parte de trás de seu canil. Então, as pessoas não pedem para a tirar de lá.”, disse Arceo . O que é ainda mais deplorável é que a equipe ouviu pessoas dizendo que Mona é “velha demais”, “não é afetuosa o suficiente” e “não é bonita”.

Kelly Leahy, gerente de comunicações do abrigo, ficou de coração partido depois de ouvir essas declarações.

Facebook – The Animal Foundation

Como Mona já foi entregue ao abrigo por várias vezes, a equipe quer ter certeza que sua próxima família adotiva seja responsável. Ela merece um lar perfeito! A Fundação Animal está absolutamente certa de quem lhe der uma chance, ficará completamente apaixonado por ela.

Facebook – The Animal Foundation

“Ela é tão amorosa e apenas quer ser amada.”, disse Arceo. Esperemos que Mona encontre uma família amorosa e responsável em breve. A linda menina merece todo o amor e carinho do mundo, e muito mais!

Compartilhe esse caso emocionante com seus amigos e familiares!

 

Fonte: Animal Channel

Facebook

Quer mais histórias? Click »