Bebê nasce coberto de manchas escuras. Agora, sua mãe se recusa a sair de casa com ele…

As mulheres gestantes passam 9 meses tendo muitos cuidados a vários níveis. Elas fazem uma alimentação equilibrada, têm muito cuidado com a sua saúde, entre outras coisas. Tudo isso para que o seu bebê possa nascer perfeito.

Stephanie e Dan Dworksy estavam ansiosos por ser pais. Mas, quando seu filho Kacy nasceu, eles ficaram chocados com o que viram… Ele tinha uma doença de pele chamada Nevo Melanocítico Congênito, uma condição que gera grandes sinais negros por todo o corpo.

News Distribution Network
News Distribution Network

“Estava em todo o lado”, disse a mãe. “Manchas no rosto, nas pernas, e sua parte traseira está cheia delas”.

News Distribution Network
News Distribution Network

Essa condição afeta 1 em 500.000 pessoas. Os seus problemas são mais a nível estético, mas quem tem essa doença corre um risco maior de ter câncer de pele. Stephanie se sente culpada por Kacy ter nascido assim.

“Você passa por 10 meses a fazer tudo o que pode para ter uma gravidez perfeita e ser saudável, e depois você pensa que fez algo de errado”, disse a mãe inconsolável.

News Distribution Network
News Distribution Network

Quando o garotinho nasceu, os médicos avisaram seus pais que as pessoas vão ser muito cruéis e insensíveis com ele. O medo de ver seu filho sendo ridicularizado e perseguido, fez com que a mãe tivesse medo de que o bebê fosse visto em público.

“Eu tento não sair com ele, e eu me sinto tão culpada”, diz Stephanie.

News Distribution Network
News Distribution Network

“As pessoas vão olhar, as crianças podem dizer coisas ruins, e até mesmo os pais podem não querer seus filhos brincando com o meu, porque eles não sabem isso o que é”, disse Dan Dworsky, pai do menino.

Mas a irmã de Kacy parece não se importar com as manchas do irmão… muito pelo contrário, ela adora o pequenote e não consegue sair de perto dele!

News Distribution Network
News Distribution Network

Essa mãe compartilhou sua história para que sensibilizar as pessoas acerca dessa condição rara. Ela espera ajudar outros como Kacy e mostrar às outras crianças que quem tem essa doença é digno de ser feliz e ter amigos, tal como todos os outros.

News Distribution Network
News Distribution Network

Compartilhe se acha que esse bebê merece ser amado e respeitado tal como todos nós!

https://youtu.be/nq8XbfsUqiM

Facebook

Quer mais histórias? Click »